segunda-feira, 18 de julho de 2016

diálogos - "... saudades do não vivido!"

Diálogos:

Originalmente  publicado no antigo blog
"Menna Comentários", precursor deste.
Data da postagem original: 21.03.2016.
Comentários na postagem original:  6.
Visualizações até ser retirado:  212.


“É estranho… quando estava longe de ti senti saudades…”

“Não há nada de estranho nisso" ela respondeu.

“… mas agora que estou perto, sinto mais saudade ainda.”

Ela riu!

“Que bobo. Quando a gente tá perto, mata a saudade, não a alimenta!”

"Não é isso. Sinto saudade do que não aconteceu… e eu acabei vivendo tudo sozinho, no meu coração, por nós dois…”


Por Luís Augusto Menna Barreto




33 comentários:

  1. Saidades não morre,alivia-se...
    Más é bom sentir saudades...Significa que algo foi bom...Aprendi isso com a Norminha...Uma vez aqui mesmo no blog falei que saudades às vezes é doída e ela me fez ver que se existe saudades é porque foi bom...E eu vi que ela tinha razão...
    É lindo o diálogo....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com a professora Norminha... e concordo contigo...!!
      Gosto das minhas saudades... se me trazem uma lágrima, trazem um sorriso junto!

      Excluir
  2. Acredito em uma maneira de cura (alguém q por viver um amor q se imagina existir em uma relação a dois), é a parte q sente saudade qdo está perto, tentar conhecer o amor do outro um pouco mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tentar conhecer um pouco mais do amor do outro, é receita pra vida toda...!
      Mil obrigados!!

      Excluir
    2. Eu q agradeço o Sr! Obg sempre!

      Excluir
  3. Triste quando a saudade é só nossa... Mas a saudade existe pra lembrar os momentos, as pessoas... E descobri que saudade às vezes vem com fundo musical ou com cheiro! Tenho lembrança da casa da minha avó e sinto o cheiro do amanhecer, da xícara do café, da cozinha... Agora estou com saudade do que vivi! Foi tão bom...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "saudade tem cheiro"....
      ... e não é que é verdade....?! Ah, como é bom esse cheiro da infância, quando corria no colo da mãe...!

      Excluir
  4. Ah, como sinto essa saudade...!!!

    Hoje então...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tens saudade de quê, escritora...? porque hoje mais que outros dias...???

      Excluir
  5. Saudades....

    Saudade temos do que vivemos , do que ainda viveremos, do que fizemos, do que faremos...

    De pessoas, de fatos...

    Mas saudades de cheiros ( como trouxe a Norminha).... Cheiros da infância... Dos amigos...das bangunças... Dos vôleis....

    ...pra sempre saudades...!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai...... tocaste num ponto que dói tanto...... tanto.........
      Foste um pouco cruel, comigo, que sempre entrava na quadra, olhando a arquibancada, procurando....
      "Dos vôleis".............

      Excluir
  6. Eu tenho muitas saudades como a que o poeta sente, saudades do que não aconteceu...e saudades de pessoas que se foram para sempre e saudades do que não foi dito....enfim, as vezes eu me sinto somente saudades...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. às vezes, SOMOS, inteiros saudades....
      E sempre tem aquele jeito de "como foi bom"...

      Excluir
  7. Não, sentir saudade não é bom nada.
    Saudade só é bonita quando em estado de palavra.
    Saudade dói... dói... Mas dói tanto!
    Não gosto de dor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, escritora, desculpa.....
      .... mas queria que viesses aqui na ilha e, quando voltasses, sentisses saudades, vontade de voltar...
      ... se não quiseres essa saudade, será como se a vinda não te sejas boa....

      Excluir
    2. Eu não disse que não sinto saudade. Eu disse que não gosto de sentir, porque dói.

      Ah!!! Se tu soubesses como eu sinto saudade... Se tu soubesses que é por isso que morro de medo de ir a certos lugares...

      Excluir
  8. Ah!!! Sinto tanta saudade de pessoas queridas que já não estão mais conosco, principalmente meu pai, três anos já sem ele. Dos amigos que fiz nos lugares onde morei. Dos lugares onde trabalhei.Também (como disse o Poeta) saudade até do que não aconteceu.
    Costumo dizer aos meus mais próximos,que ando sentindo saudade de mim mesma, em alguns momentos da minha vida.Chego a brincar com o título de um livro:"Quem me roubou de mim".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foste tu....!!!!
      Sim, amiga Armelinda... acho que só nós, roubado-nos de nós mesmos...
      ... tenho a saudade como tu... e às vezes fico procurando-me, para ver onde eu me perdi de mim mesmo...!!!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Exatamente isto, Poeta!!!! Exatamente isto!!! Ando repetindo que estou a procura de mim mesma!!!

      Excluir
    4. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    5. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  9. Saudade é triste.
    Não gosto de sentir. E o livro "quem me roubou de mim"... do Padre, já li. Confunde e esclarece (como deve ser). Com ele me encontrei e não me perco mais.
    Penso que saudade do que não se vive deve ser algo que nunca realizaremos... Uma pena... Gosto dos feitos.
    Mas enfim, tristeza e Saudade têm sua serventia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É esse livro mesmo Sílvia, do Pe.Fábio. Só conheço o título, ainda quero lê-lo.

      Excluir
  10. Realmente. Muitas vezes nos pegamos pensando porque não arriscamos mais, porque não fomos corajosos o suficiente para fazermos algo que estávamos desejando...mas infelizmente, nem tudo pode ser na hora, e então, passamos a sentir saudades do que não ousamos fazer!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ... ou saudade do que não ousaram fazer conosco...!!
      Obrigado, amiga!!

      Excluir
  11. Boa dia a todos!!!

    Sabe, EU QUERO SENTIR TODAS AS SAUDADES DO MUNDO!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, poeta.... vai... ajuda-me... vamos falar isso bem algo pra nossa amiga escritora que não gosta de saudades...
      Como alguém que diz não gostar de saudades pode ter escrito Heloísa???

      Eu quero é que ela sinta MUUUUUITA saudades do arquipélado!!!!

      Excluir
  12. Que lindo... Saudades... Se eu não me engano é Fernando Pessoa que diz: "saudade é o coração dizendo pra onde quer ir". Mas por incrível que pareça, as vezes a gente sente prazer em sentir saudades. Pois o coração sente prazer em lembrar algo tão bom... Não sei, se me fiz entender.

    ResponderExcluir
  13. Corrigindo. E Rubem Alves que diz: "saudade é a nossa alma dizendo para onde quer voltar"

    ResponderExcluir