sábado, 9 de julho de 2016

poesia de ver - "...quem vê?"


Poesia de ver:

Originalmente  publicado no antigo blog
"Menna Comentários", precursor deste.
Data da postagem original: 19.03.2016.
Comentários na postagem original:  1.
Visualizações até ser retirado:  82.



Tem luz atrás da nuvem...
tem nuvem atrás do prédio...
tem prédio atrás da tela...

... chega mais perto... talvez tu te encontres atrás da lente...

Imagem e texto por Luís Augusto Menna Barreto



26 comentários:

  1. Acho que não. Não me encontro em canto algum.
    Na frente da câmara, estou fora do foco.
    Atrás da lente, estou sem meus olhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ... talvez... a câmera sejas tu...!

      Excluir
    2. Tu és inteligente, moço do Marajó!

      Excluir
  2. Tenho que estar sempre atento pra ficar na frente da lente para não sair do foco e assim não ficar no canto ou atrás da tela e com olhar atento poder ver a tela através da lente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que inspirado, Dr. Izamir...!!!!!
      Muito lindo.... também quero ser assim!!

      Excluir
  3. Atrás da lente encontro meu amigo Menna e sua sensibilidade e luz de poeta...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vem, grande amiga.... deixa, então, eu te ver na frente da lente..... Vem fazer uma foto com teu sorriso!!!

      Excluir
    2. Nos encontraremos em Fortaleza e faremos essa foto...

      Excluir
  4. Há sensibilidade...
    Há leveza....
    Há paz...
    Há clareza...
    Há...tantas e tantas coisas!!!!
    Mas prefiro a sensibilidade!!!

    ResponderExcluir
  5. Benditos são os olhos que enxergam com a alma!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém..... benditos teus olhos, professora...!

      Excluir
  6. Norminha expressou em palavras o que eu estava pensando....
    Vou pegar carona no seu comentário...

    ResponderExcluir
  7. "Quem vê?!!!" É quem tem luz nos olhos!!!
    Coração leve!!!
    E a alma mais sensível que se possa imaginar!!!

    ResponderExcluir
  8. Estou atrás da lente a imaginar sempre os caminhos que virão além do horizonte.

    ResponderExcluir
  9. Que imagem linda, que poesia mágica e que mente brilhante!!! Atrás da lente posso ver um caminho cheio de luz e sabedoria, basta seguir em frente!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vem, Camila.... bora ver o mundo com essas lentes...!!!

      Excluir
  10. Os olhos são os olhos da alma.
    Quanta poesia e sensibilidade num só clic.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ... e quantos "clics" para sentirmos....!!!!!

      Excluir
  11. Talvez chegando atrás da lente consiga ver meu proprio eu, ai não caberá desfocar, mas deixar a imagem bem nítida para mostrar o que vai além da lente !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ... descobrir o eu atrás da lente, pode tirar-me de foco....!

      Excluir