segunda-feira, 22 de agosto de 2016

diálogos - "... rio e vida!"

Diálogos

"Navegando tanto tempo, descobri que a vida é como o rio…”

Eu sempre achei que o rio tinha vida…"

"Se não fazemos nada, ficamos parados, afundamos, ele nos envolve, nos afoga…
… se fazemos nossa parte, nadamos, ficamos acima da linha d'água o rio torna-se prazer para nós…”

Às vezes, sinto minha vida como se nadasse contra a correnteza…"

"Se nadamos contra a correnteza, somos no mais das vezes vencidos… se aprendemos suas correntes, seus movimentos, fazemos com que nos conduza onde precisamos chegar…"

Esse rio é minha rua…

“… minha e tua…”


Por Luís Augusto Menna Barreto


21 comentários:

  1. Que belo diálogo - realidade, sonho e encantamento, ao mesmo tempo.
    Na vida,sei que quando nadamos contra a correnteza, nos fortalecemos.A cada tombo, uma nova possibilidade de renascer.
    Obrigada, poetinha, por nos ajudar a pensar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Maria, como é bom ver-te por aqui....! Adoro navegar e pensar sobre o rio.... acho que hoje, essas águas são parte de mim...!!!!

      Excluir
  2. Não vou mais tomar banho de Rio. Agora só tomo banho de mar.

    O teu diálogo é lindo, Poeta, mas eu estou com raiva.

    ResponderExcluir
  3. O Rio é rio, mas eu não vou excluí-lo por isso.
    A raiva é que deveria ser RAIVA.

    ResponderExcluir
  4. Perdoe-me a acidez,desses três dias, meu amigo querido!
    Não tem nada a ver contigo. Desta vez, os mistérios são os meus mesmo.

    Por falta de outro lugar, derramei, exatamente no teu blog, suco, SEM AÇÚCAR, de tamarindo com limão.

    Perdão, perdão, perdão!!!!

    ResponderExcluir
  5. Eu também gosto de dizer, que a nossa vida é igual as águas dos rios e oceanos: uma hora tranquila...serena...uma paz. Em outros dias, as ondas ficam revoltas, bravias, vem batendo nas pedras, querendo arrancar tudo pela frente. Mas, acredito que tudo isso que passamos tem uma razão de ser...nada é por acaso e muito menos em vão. É apenas minha forma de interpretar a vida!!!
    Uma boa e agradável noite a todos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ah, e como é bom ver a vida por muitas interpretações...

      Excluir
  6. Será que a vida é como rio??
    E se a correnteza não der conta de nossas histórias?
    E se nossas histórias se misturarem com a correnteza?
    E se o rio levar nossos pensamentos?
    E se...?
    ...pra sempre teremos "e se..."

    ResponderExcluir
  7. Lindo diálogo, poeta...Nossa vida é como um rio que segue, sempre em movimento, nunca a água corrente volta a passar pelo mesmo lugar...como diz a canção "tudo muda o tempo todo"...nossos dias tb são assim, parecem iguais, mas só parecem...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. às vezes, tenho medo de dias diferentes... a rotina oferece um certo conforto...
      tive muitos dias "desiguais" nos últimos tempos... quero um pouco de águas calmas...

      Excluir
  8. Essa é a lei da vida!!
    Às vezes nadamos à favor outras contra a correnteza...Inevitável....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ... penso que a avaliação a ser feita, é se a correnteza estará ou não, forte demais para nadarmos....

      Excluir
  9. às vezes forte... às vezes fraca... depende da lua.
    mas este rio também é minha rua.

    ResponderExcluir
  10. Quão belo diálogo! 👏👏👏👏👏🙌. " a vida é como o Rio... " quantas vezes nadamos contra a correnteza??? Tantas vezes, planejamos, organizamos e parece que tudo acontece ao contrário.

    ResponderExcluir