sábado, 12 de novembro de 2016

poesia de ver - "...destino!"

Poesia de ver: “… destino!”

Originalmente  publicado no antigo blog
"Menna Comentários", precursor deste.
Data da postagem original: 20.04.2016.
Comentários na postagem original:  15.
Visualizações até ser retirado:  295.



Eu perguntei à flor, por que ela parecia triste…

“Vou morrer de velha…”, respondeu-me. “Não respondi nenhuma vez 'bem te quer'… …não cumpri meu destino de morrer despetalada, vendo um olhar feliz…”

Imagem e texto por Luís Augusto Menna Barreto





25 comentários:

  1. Respostas
    1. Ah, Shirley!! Obrigado pelo teu carinho!!
      Sejas sempre bem vinda!!!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Obrigado!!!
      Flores sempre dão bons poemas aos olhos....!!!

      Excluir
  3. Que triste essa frustração da florzinha de não fazer alguém feliz em dizer BEM-ME-QUER; não sabe ela que só sua presença, ainda que breve, proporciona felicidade do mesmo jeito? Boa tarde poeta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez ela não saiba.... mas ainda que soubesse... não sentiria ela, necessidade, então, de cumprir o destino que ela acreditava ter...?

      Excluir
  4. Deve ser triste morrer sem ter feito a felicidade de alguém.
    Não importa se velho ou novo.
    Será?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será.... mas será que não se fez, mesmo a felicidade de alguém...??

      Excluir
  5. O mundo sem rosas seria algo injusto, pois na beleza da rosa, encontro sempre, a certeza de amar. Dar uma rosa a alguém é dizer, tô aqui, conte comigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dar a rosa, é sempre carinho... concordo em tudo!!!!!!!

      Excluir
  6. O destino de morrer despetalada pode ser triste se termina no " mal te quer", então florzinha fique feliz por demorar mais tempo alegrando os olhos de quem te contempla sem te despetalar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que fique, então, feliz a florzinha... mas ela me pareceu tão triste, escorada na parede...!

      Excluir
    2. Verdade, ela estava triste, eu estava tentando encorajar a florzinha a ficar feliz....

      Excluir
    3. Acho que vi, então, um sorriso!!!!

      Excluir
  7. Só de você existir, florzinha, e eu poder te olhar, já me faz muito FELIZ!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, e podes ter certeza que ela sorriu por isso....!!!

      Excluir
  8. Pobre florzinha....!!!!!
    ...pensando no fim...
    Ela tão bela....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem sabe ela já fez muitas pessoas felizes com sua beleza, com seu perfume e colocando nas pessoas inspiração para escrever lindos poemas sem que precisasse ser tocada e só admirada.

      Excluir
  9. Não fique triste, flor. Ainda dá tempo de viver o amor. Ele não envelhece. Renasce a cada dia.

    ResponderExcluir
  10. Amo flores. Elas mudam o ambiente. Além do perfume, a beleza. Achei lindo o diálogo com a florzinha! 👏👏👏👏👏. Só a alma de um poeta tem esta capacidade. Lindo!!!! 💕😍😙

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também sinto imensa atração pelos temas de flores... elas parecem sempre querer dizer-me algo...
      Daí que às vezes, fico tempo olhando... pra saber o que estão a falar...!

      Excluir