sábado, 18 de fevereiro de 2017

poesia de ver - "...bondade!"

poesia de ver: “…bondade!”



A florzinha ofegava quando segurei em seu caule, sem arrancá-la…
Suspirando, disse-me:
“Se me fores desfolhar… comeces por “mal-me-quer”…

Achei tamanha sua bondade, que disse “bem-me-quer” duas vezes… e de seu último perfume exalou um sorriso…!

Imagem e texto por Luís Augusto Menna Barreto




25 comentários:

  1. Um lindo gesto de bondade no último instante de vida, com direito ao restante do perfume em forma de sorriso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bondade e delicadeza...
      ... seria esse o "bom combate" ao "final da carreira", que um certo Paulo escreveu a Timóteo...?

      Excluir
    2. Beijão Ana,obrigada pelo carinho flor.

      Excluir
  2. Bem-me-quer, Bem-me-quer, Bem-me-quer, Bem-me-quer, Bem-me-quer, Bem-me-quer, Bem-me-quer....

    Sempre Bem-me-quer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bem-me-quer, bem-me-quer, bem-me-quer..................................................................................................................................................................................................................................................................................bem-me-quer!


      ... sempre...!

      Excluir
  3. Será que não conheci esta florzinha?
    Acho que sim!
    E aqui é sempre bem me quer!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conheces!!! Mais uma, do canteiro da mãe!!!!

      Excluir
    2. Tua casa é lugar de flor bonita, não é Elisa?

      Excluir
  4. Um último suspiro, seu último perfume e derradeiro momento e tudo isso é assim, assim e a vida mas o amor é eterno pois ele se renova a cada olhar, a cada momento, a cada viver, a cada renascer. Perfume seu coração e ame a vida e seu amor.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia pra vcs queridos amigos, uma rosa é uma rosa, o resto são espinhos de quem temos que nos livrar durante a vida. O antes, o durante e o depois, do desfolhar, são fases da vida-rosa, prefiro o durante porque é presente e eu posso alterar. O Antes é passado e o depois ainda não chegou. Então hoje quero te sentir e ao te desfolhar o teu perfume guardarnos cantos da vida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah.... como é bom guardar perfumes!!!!!

      Excluir
    2. Como tu disseste bem, Izamir:

      "O antes é passado e o depois ainda não chegou."

      Um grande abraço para ti, amigo!

      Excluir
  6. Respostas
    1. A bondade há de ser digna da "Graça Imerecida" (São Paulo)...!!

      ... de fato, Flor Santa!!!

      Excluir
  7. "BEM-ME-QUER"... parece tão simples ao dizer,
    mas tão especial pra quem ouve!!!

    Generosidade sem tamanho, principalmente por estar nos seus últimos suspiros...!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Duas pétalas..... queria terminar em bem-me-quer.

      Excluir
    2. Linda mulher Linda, se bem-me-quer tudo vira BEM-QUERER. Não é assim?

      Excluir
    3. É assim, sim, minha querida amiga!!!
      Grande beijo!!!

      Excluir
  8. Que delicadeza...caiu em boas mãos.

    *passei pra deixar um abraço amigo*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah... mas como é bom delicadeza assim: abraço!
      Obrigado!!!

      Excluir
  9. Lembro que eu quando criança usava sempre o truque de contar as pétalas,para só então começar o"bem me quer"...Dessa forma eu saberia como começar pois era fundamental terminar com BEM ME QUER...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ... eu ficava com pena de desfolhar....mas desfolhava... e trapaceava, no final... Arrancava duas, se fosse preciso, para "bem querer"...!

      Excluir